Home Emagrecimento Emagrecer? Perder Peso Dietas Receita Dieta
------------------------

Perda peso rapido.

perdem até 16 kg para 'enganar' a balança

Lutadores fazem dietas para chegar ao limite de sua categoria no dia da pesagem. E 24 horas depois 'repõem' boa parte do peso sem economia na comida
Quem tentou sabe como é sofrido: perder dois ou três quilos em 30 dias requer concentração, abstinência, determinação, dieta justa, uma boa dose de exercícios e DNA generoso. É possível, claro. E o que dizer dos lutadores de MMA, em especial do UFC, que perdem até dez quilos em uma semana? Pode parecer propaganda de remédio milagroso que lima todos os quilinhos indesejáveis de nossos corpos, mas não é.

Não existe milagre que faça os atletas secarem tanto em tão pouco tempo. A fórmula é básica e simplória: fecham a boca e desidratam o corpo. José Aldo, dono do cinturão da categoria peso-pena no UFC, dá uma ideia do que são capazes. "Nos treinos estou pesando quase 77 quilos, mas em cinco dias consigo baixar para um pouco mais de 65 quilos" - o limite da sua categoria é 66 quilos. A dieta na semana da luta: café da manhã com uma fatia de pão light, trinta minutos de corrida, peito de frango com duas claras de ovo no almoço, algumas frutas, uma hora de treino técnico (para evitar contusões); e outro peito de frango com duas claras de ovo no jantar. E nada mais.

Vinte e quatro horas antes da pesagem oficial, que ocorre um dia antes da luta, os atletas cortam todo o tipo de líquido – eles precisam ficar dentro dos limites da categoria, sob o risco de não poder lutar. Depois da pesagem podem voltar a ganhar peso sem problema - e o fazem de modo tão rápido como quando perdem. "Antes da pesagem, continuo bebendo água, mas não em goles. É mais comum ficar apenas molhando a boca", conta Aldo. No dia da pesagem, ele acorda ainda precisando perder quatro quilos. "Corro durante uma hora e depois passo três horas dentro da banheira de água quente" - a banheira equivale a uma sauna, desidrata, e evita que o corpo sinta demais a perda de líquido.


------------------------

EXERCÍCIOS PARA PERDER PESO RÁPIDO.

EXERCÍCIOS PARA PERDER PESO RÁPIDO
Os exercícios aeróbicos são os mais indicados para perda de peso rápido pois aceleram o processo de queima de calorias .Os exercícios aeróbicos são:Andar,Correr ,Pedalar,Nadar.

Este tipo de exercício você pode pode praticar em qualquer lugar e no horário que ficar melhor par você ,sendo assim praticando por alguns minutos por dia você já estará tendo resultados ótimos e ainda dando tempo para seu corpo se acostumar com seu novo rítimo.O corpo começa a queimar gordura após 20 minutos de exercícios contínuos(diz estudos) ,então o melhor é pratica 30 minutos diários de exercícios ,assim terá disposição para enfrentar a rotina dia a dia .
ARA PERDER PESO INDICO - EXERCÍCIOS AERÓBICOS

Praticando exercícios regularmente você impede algumas doenças como : doenças cardiovasculares e além de trazer outros benefícios como: melhora a circulação sanguínea,tonificação os músculos e outros .Estes exercícios são ótimos para a perder barriga e perder peso rápido . Quando se faz exercícios usa-se o gordura que é a principal fonte de energia para acelerar o metabolismo a queimar calorias .

Pratique exercícios aeróbicos e você terá o corpo que tanto desejou.Procure sempre um especialista para lhe orientar no que deve fazer .


-------------------------

Mitos e verdades sobre ganho e perda de peso.

Mitos e verdades sobre ganho e perda de peso

O excesso de peso é um dos problemas mais comuns que existem. No Brasil, segundo as estatísticas cerca de 35% da população é de obesos ou de pessoas com sobrepeso. Não bastasse isso os padrões de estética atuais exigem que a mulher seja magrinha, fazendo com que 9 entre cada 10 mulheres esteja insatisfeita com seu peso e desejando emagrecer.

Essa situação cria uma ambiente extremamente favorável à proliferação de dietas e mitos sobre emagrecimento, a maioria sem muito fundamento. Um das confusões mais comuns que existe é entre emagrecer e perder peso. Perder peso não significa sempre emagrecer, nem ganhar peso significa sempre engordar. Por isso é tão comum as pessoas tomarem diurético em regimes de emagrecer.
Diurético tira água do organismo, o que é a maneira mais rápida de perder peso – entretanto essa perda de peso não significa nenhum emagrecimento, no sentido de perder gordura (que em linguagem médica chamamos de massa gorda). Tomar diurético é uma maneira de se enganar achando que emagreceu, porque o ponteiro da balança está apontando algumas gramas a menos.

Tomar vitamina engorda?

Um comentário quase unânime entre as mulheres é: "vitamina engorda". Realmente em alguns casos vitamina pode levar a um aumento de peso, mas é por aumento de massa muscular (massa magra), e não aumento de gordura. Isso é particularmente verdade em mulheres semidesnutridas porque passam a vida fazendo dietas equivocadas na busca do peso ideal. Nesse caso ganhar peso às custas de músculo é um lucro, porque vai ajudar a perder gordura adiante. Vários estudos mostram que pessoas que possuem musculatura desenvolvida, possuem muito mais facilidade para emagrecer, que aquelas com pouca massa muscular.

Beber água durante as refeições dá barriga?

Outros mitos - como beber água nas refeições dá barriga – já podem ter algum fundamento. Beber muita água com a comida causa um aumento do volume do bolo alimentar. Com o tempo isso pode dilatar a parede do estômago, reduzindo a sensação de saciedade, e finalmente a pessoa acaba comendo mais e engordando. É comum também as pessoas acreditarem que o jantar é a refeição que mais causa acúmulo de gordura no organismo e que, por isso, deve ser suprimido. Efetivamente numa dieta bem equilibrada, ele deve ser uma refeição mais frugal que o almoço, porque de noite reduzimos nosso metabolismo, o que pode facilitar mais o acumulo de gorduras no organismo. Entretanto suprimir completamente o jantar é ruim porque a pessoa acaba acordando com fome demais e cometendo excessos que comprometem o regime alimentar

-------------------------

Perda rápida de peso não equivale a dieta eficiente

Perda rápida de peso não equivale a dieta eficiente

Pessoas em geral acreditam que, quanto mais rápido se perde peso, melhor é a dieta, e buscam regimes com esse perfil. Isso é um engano. Quanto mais rápido se perde peso, menos fisiológica é a alimentação, e mais provável que a perda de peso reflita perda concomitante de massa muscular. Dietas muito radicais fazem mal à saúde. Os resultados além de ruins, são muito mais difíceis de ser sustentados e a pessoa costuma engordar quase tudo que perdeu de volta. O ideal é uma alimentação equilibrada que gere uma perda entre meio e um quilo por semana.

Dietas da moda

O problema é que esse é um filão onde os agentes do mercado querem inovar de alguma maneira de olho no negócio. Com isso surgem as tais dietas da moda, não raro preconizando hábitos alimentares pouco fisiológicos. Uma recomendação frequente á abolir um grupo de alimentos que tem mais potencial calórico, como carboidratos ou gorduras da dieta, comendo quantidade maiores de proteína. Isso é ruim porque o organismo tem necessidade de alguma quantidade desses alimentos, gerando uma nutrição incompleta e pouco saudável. Outra tendência é trazer um conceito que seja atrativo e usá-lo como carro-chefe da alimentação, mesmo que ele não tenha fundamento científico, como é o caso da dieta pelos grupos sanguíneos.

Efetivamente as pessoas são diferentes em sua capacidade de emagrecer ou engordar – como preconiza a dieta dos grupos sanguíneos – mas essas diferenças são determinadas por um grupo grande de gens, o que é chamado de herança poligênica pela medicina. Assim, todos precisam encontrar o seu ponto de equilíbrio na alimentação, e manter uma alimentação saudável, se desejam controlar o seu peso. Algumas pessoas precisam realmente de restringir muito mais a quantidade de calorias que ingerem para não engordar. Hoje em dia, com o aumento da oferta de alimentos, precisamos estar sempre atentos para não ganhar peso.


---------------------------

Perda repentina de peso pode ser sintoma de caquexia.

Perda repentina de peso pode ser sintoma de caquexia

Perda excessiva e rápida de peso

Enquanto a obesidade mórbida assume cada vez mais o caráter de epidemia, os médicos precisam tomar cuidado redobrado com a perda excessiva e rápida de peso de seus pacientes.

O alerta foi emitido pelo Dr. John Morley, da Universidade Saint Louis (Estados Unidos). "Em pessoas doentes, a perda de peso é um indicador importante de doenças e pode potencialmente levar à morte," diz o médico.

Caquexia

O Dr. Morley está preocupado com uma condição chamada caquexia, um estado de desnutrição profunda e que até agora não tinha uma definição médica precisa, o que dificultava o diagnóstico desta situação.

"A caquexia é um problema enorme para pessoas que têm outros problemas de saúde, e isto é algo que muito médicos não dão atenção suficiente," alerta ele.

Segundo o médico, que cita dados dos Estados Unidos, cerca de metade dos pacientes hospitalizados e entre 10 e 15 por cento de todos os pacientes que procuram um médico, apresentam um quadro de caquexia.

Perda de peso como sinal de outras doenças

Esta condição acompanha doenças como o câncer, falhas cardíacas, HIV, diabetes, mau funcionamento dos rins e doença pulmonar obstrutiva crônica (COPD).

Adultos que sofrem de caquexia perdem peso rapidamente, enquanto as crianças têm o crescimento interrompido ou muito prejudicado. A pessoa sofre perda muscular grave e também perde gordura.

Pessoas que tradicionalmente têm dificuldade para perder peso e subitamente veem o ponteiro da balança despencar, devem procurar ajuda médica prontamente, alerta o Dr. Morley. Em vez de terem encontrado a dieta perfeita, elas podem muito bem estar doentes e seu estado pode piorar à medida que ficam cada vez mais fracas.


------------------------------